MOVIMENTO DE ATUALIZAÇÃO DA COZINHA AÇORIANA TRAZ MOTIVAÇÃO ÀS EMPRESAS;

Começou o 10 Fest Açores - 10 Dias com 10 jantares
MOVIMENTO DE ATUALIZAÇÃO DA COZINHA AÇORIANA TRAZ MOTIVAÇÃO ÀS EMPRESAS

10 Chefes de Cozinha confecionam 10 jantares com base nos ingredientes açorianos, de 21 de junho a 30 junho, em Ponta Delgada. É o 10 Fest Açores e é organizado pela Escola de Formação Turística e Hoteleira dos Açores.


Entre 21 e 30 de junho, o 10 Fest Açores (2012), a Escola de Formação Turística e Hoteleira (EFTH) dos Açores, convida mais uma vez para 10 dias de experiências gastronómicas em que se reinventam os produtos regionais.

De acordo com Graça Teixeira, diretora da EFTH, a escola “pretende continuar a liderar um movimento de atualização da cozinha açoriana, que sirva de motivação às empresas, aos profissionais e aos jovens, apostando sempre na inovação”.

A diretora da EFTH acrescenta ainda que o 10 Fest Açores tem como intuito “tirar partido dos produtos açorianos e explorar as respetivas potencialidades, tendo em conta o receituário tradicional é o lema e a inspiração”.

Do programa do 10 Fest Açores constam vários momentos em que os formandos e os chefes de cozinha colaboram para celebrar com o público a riqueza gastronómica dos Açores.

Jessica Carreira e David Costa (Adega, San José, California), Justa Nobre (O Nobre, O Nobre Estoril, À Justa, Lisboa), Roberto Sihuay (Ceviche 103, La Turuleka, Nikkei 103, Barcelona), Luís Gaspar (Sala de Corte, Lisboa), Nuno Mendes (Chiltern Firehouse, Taberna do Mercado, Londres) e Tiago Bonito (Largo do Paço, Amarante) são alguns dos nomes dos participantes deste evento.

A 30 de junho, o 10 Fest encerra com uma after party durante a qual serão dados a conhecer os cocktails pensados e trabalhados pelos chefes de cozinha durante o ano letivo com os formandos de mesa e bar da EFTH.

Um (re)encontro com o tanto que os Açores têm de único e a oportunidade de tirar a Prova dos Dez a uma iniciativa que, numa altura em que o arquipélago é um dos destinos mais procurados tanto a nível nacional como internacional, se revela cada vez mais revelante.

Dora Troncão, 22/06/2018
Partilhar
Comentários 0

Notícias Relacionadas